2. Moderação de Conteúdos

Em complementação às regras contidas no item 5.1 dos "Termos de Uso Gerais" referentes à plataforma Sympla, e aquelas contidas nos itens 5.1, 6.1, 6.2, 6.3 e 6.4 dos "Termos de Uso Sympla Play", todas direcionados à Organizadores e Produtores, a Sympla utilizará os critérios abaixo para embasar seu processo de análise e moderação de Conteúdos. Os critérios e regras abaixo foram criados para que possamos conviver em uma comunidade democrática, transparente e pautada pelo respeito aos direitos individuais dos nossos usuários e terceiros. 

As Diretrizes de Comunidade da Sympla dispõe sobre os tipos de conteúdos não permitidos, para que os Produtores compreendam as normas às quais estão sujeitos, e também para que possam contestar remoções indevidas. 

Sabemos que este é um tema complexo, por isso deve ser construído com a colaboração da nossa comunidade de usuários. Sugestão de melhorias e alterações podem ser enviadas para suporte@sympla.com.br

Para facilitar a compreensão da comunidade, os conteúdos passíveis de moderação por parte da Sympla são elencados por temas:

 

2.1.1. Propriedade Intelectual

Respeitamos os direitos de propriedade intelectual de nossos usuários e terceiros. Por isso, a Sympla possui uma "Política de Propriedade Intelectual" própria. Informações detalhadas sobre o tema e as regras específicas podem ser verificadas no citado documento.

 

2.1.2. Publicidade Enganosa e/ou Abusiva

Não permitimos conteúdos que apresentem publicidade:

"Enganosa", entendida como qualquer modalidade de informação ou comunicação de caráter publicitário, inteira ou parcialmente falsa, ou, por qualquer outro modo, mesmo por omissão, capaz de induzir em erro o consumidor a respeito da natureza, características, qualidade, quantidade, propriedades, origem, preço e quaisquer outros dados sobre produtos e serviços. (ex.: conteúdos que garantem que o Participante fique rico em curto período de tempo; conteúdos que anunciem produtos e serviços "milagrosos").

ou;

"Abusiva", entendida como a publicidade discriminatória de qualquer natureza, a que incite à violência, explore o medo ou a superstição, se aproveite da deficiência de julgamento e experiência de vulneráveis, desrespeita valores ambientais, ou que seja capaz de induzir o consumidor a se comportar de forma prejudicial ou perigosa à sua saúde ou segurança. (ex.: conteúdos que prometem que o Participante emagreça em curto período de tempo através de técnicas capazes de causar danos à sua saúde).

 

2.1.3. Incitação à violência, Intimidação

Não permitimos conteúdos que configurem ameaça, intimidação (bullying), insulto, ou que seja capaz de envergonhar um indivíduo ou um grupo específico. Além disso, conteúdos que apresentem doxxing (publicação de dados confidenciais de terceiros), revenge porn (pornografia de vingança), trolling (trolagem), cyberbullying, ou qualquer outra forma de abuso serão removidos.

 

2.1.4. Terrorismo

Não serão permitidos conteúdos elaborados por grupos terroristas ou que tenham por objetivo radicalizar ou recrutar pessoas para prática de atos ilegais ou violentos

 

2.1.5. Produtos e Serviços Proibidos ou Regulados

A Sympla não permitirá conteúdos que instruam ou ensinem Participantes a produzir, fabricar ou de qualquer maneira elaborar dispositivos explosivos, incendiários, armas de fogo, ou qualquer outro produto cuja produção ou comercialização seja proibida ou regulada (ex.: drogas e alucinógenos), ou ainda que instruam os Participantes a prestarem serviços vedados pela legislação. 

 

2.1.6. Nudez, Ato Obsceno ou Exploração Sexual

A Sympla não permite qualquer conteúdo pornográfico ou sexualmente explícito, que:

  • Retrate ato sexual de maneira explícita;
  • Contenha nudez em um contexto sexualizado;
  • Seja intencionalmente destinado a causar estímulo sexual;
  • Promova, ofereça ou anuncie serviços sexuais ou de natureza erótica, tais como prostituição, massagens eróticas, serviços de acompanhantes, shows eróticos, ou realizados em locais de entretenimento erótico.

Eventualmente, a Sympla poderá permitir tais conteúdos, desde que tenham cunho claramente artístico, acadêmico, científico, educativo ou sejam utilizados fora de um contexto sexualizado.

Exemplos de conteúdos permitidos:

  • Performances artísticas apoiadas por editais governamentais e/ou institucionais.
  • Bate-papos, workshops, oficinas, rodas de conversa e exposições, desde que teóricas.
  • Documentários que apresentem conteúdos explícitos e fora de contexto sexualizado.
  • Nudez em comunidades indígenas, durante procedimentos médicos, parto, apresentações artísticas ou amamentação, desde que contextualizados e sem o objetivo de promover estímulos sexuais.
  • Nudez fora de contexto sexualizado e com mecanismos de censura, tais como borrões ou perturbações.
  • Arte corporal, desde que com as partes intimas censuradas ou tampadas.
  • Conteúdo que retrata trajes de banho fora de contexto sexualizado.
  • Arte do mundo real que retrate a vida sexual.
  • Conteúdo publicado em contexto humorístico ou satírico.

Exemplos de conteúdos NÃO permitidos:

  • Clipes extraídos de filmes ou programas não pornográficos para isolar cenas sexuais.
  • Conteúdo que retrate ou promova caricias ou masturbação .
  • Retratações sem consentimento, mesmo que fora de contexto sexualizado.
  • Dança provocante ou sexual, com foco em partes intimas e com objetivo de promover estímulos sexuais.
  • Conteúdo com abuso ou agressão sexual.
  • Quaisquer formas de oferta de serviços sexuais.
  • Uso de brinquedos sexuais não relacionados à educação sexual.
  • Conteúdo que apresente, promova, normalize ou exalte a violência sexual.
  • Conteúdo que contenha linguagem sexualmente explícita para gratificação sexual.

 

2.1.7. Discurso de Ódio

Nós não permitimos conteúdos que apresentem discurso de ódio ou discriminatório. Por "discurso de ódio" entendemos qualquer expressão ou fala direcionada a um indivíduo ou grupo de indivíduos que: (i) discrimine tal indivíduo ou grupo com base em uma característica pessoal (ex.: etnia, gênero, orientação sexual, política ou religiosa, idade ou deficiência); (ii) denotem inferioridade ou descaso com tal grupo ou indivíduo (ex.: políticas de segregação, superioridade racial, etc.).

 

2.1.8. Desinformação ("Fake News")

A Sympla não permitirá a publicação de conteúdo comprovadamente falso ou enganador que seja capaz de causar prejuízo público, como por exemplo ameaças aos processos políticos democráticos e a bens juridicamente tuteláveis, tais como a saúde ou a segurança pública (ex.: conteúdos que contrariem recomendações de órgãos públicos oficiais ou internacionais; conteúdos que neguem acontecimentos históricos, etc.).

A Sympla respeita o direito de liberdade de expressão e entende a existência de uma linha tênue entre notícias falsas, desinformação, sátiras e conteúdos opinativos ou jornalísticos. Dessa maneira, ao analisar tais conteúdos, a Sympla buscará preferencialmente orientar o Produtor ou Organizador no ajuste do conteúdo, de modo a tornar claro que se trata de conteúdo opinativo, ao invés de promover sua remoção imediata.

 

2.1.9. Mídia Manipulada ("Deep Fake")

Nós não permitimos a disponibilização de conteúdos que contenham mídias (imagem, áudio, vídeo ou texto) manipuladas, alteradas ou editadas com objetivo de causar dano a terceiros ou que violem direito de terceiro.

 

2.1.10. Crime contra a honra de terceiro

A Sympla não permite conteúdos difamatórios, caluniosos ou injuriosos, ou que façam falsa afirmação sobre determinada pessoa, independentemente de sua condição de pessoa pública ou não, capaz de causar algum dano material ou moral. 

Caso o conteúdo seja direcionado contra pessoa pública, a Sympla se reserva o direito de requerer provas capazes de demonstrar que o conteúdo seja falso, sobretudo se o conteúdo publicado tiver finalidade jornalística. 

 

2.1.11. Abuso ou exploração de menor

Nós não permitimos conteúdos criados através da exploração de menores ou que sejam prejudiciais a crianças e adolescentes, tais como conteúdos que contenham pornografia infantil, que sexualizem crianças e adolescentes, ou que encorajem menores a praticar atos ou atividades que gerem perigo a sua saúde física e mental.

 

2.1.12. Práticas de Marketing ilegal e Estelionato

A Sympla não permite conteúdos que apresentem práticas de Marketing Multinível consideradas esquemas "pirâmide" ou aqueles criados com objetivo de obter, para si ou para outro, vantagem ilícita, em prejuízo alheio, induzindo ou mantendo alguém em erro, mediante artifício, ardil ou qualquer outro meio fraudulento.

 

2.1.13. Eventos ilegais ou irregulares

A Sympla não permite a publicação de eventos considerados ilegais ou irregulares, ou seja, que não seguem completamente as diretrizes estaduais e municipais para a realização de eventos do estado onde será organizado.

Sendo assim, é obrigatória a consulta dos protocolos para a prevenção ao COVID-19 do município e do estado onde o evento será realizado e inseri-los na descrição do evento. A Sympla sugere que o produtor acesse o site oficial da Prefeitura e do Governo do Estado para consultar os protocolos vigentes. O cumprimento dessas diretrizes é obrigatório e de responsabilidade do Produtor e os eventos que desrespeitarem os protocolos de COVID-19 aplicáveis podem ser removidos.

 

2.1.14. Pagamentos por fora da plataforma

Para maior segurança dos usuários e para que todos os serviços ofertados pela Sympla sejam garantidos, não são permitidas transações financeiras fora da plataforma para viabilizar a inscrição em eventos ou conteúdos disponibilizados na Sympla.

Sendo assim, os Produtores não devem disponibilizar outras opções de pagamento diferentes das oferecidas pela Sympla, como por exemplo, inserindo dados bancários na descrição do evento ou compartilhando links que direcionam para outra forma de pagamento fora da plataforma.